17 de janeiro de 2009

O salvador da pátria

Na próxima terça-feira, em Washington, troca de mãos o emprego de homem mais poderoso do mundo.

Sai, em muito boa hora, George W. Bush e entra Barack Hussein Obama. São muitos os significados da mudança na Casa Branca, não apenas para os Estados Unidos, mas para o Brasil e o mundo.

Bush deixa o governo como o pior presidente da história americana. Sua estreita visão de mundo foi um erro grave. Mas, fatal mesmo foi sua incompreensão da grandeza da sociedade de oportunidades iguais para todos sonhada pelos fundadores dos Estados Unidos e duramente construída por gerações e gerações de imigrantes que acreditaram no "sonho americano".

Depois de um governo de oito anos permeado pelo maior atentado terrorista da história, duas guerras sem apoio da população interna e uma crise financeira sem precedentes, o desafio é reconstruir a casa e recolocar os EUA nos trilhos.

A edição desta semana da VEJA discute se Barack Obama, Vai , bom pai e bom marido, pode renovar a nação americana e seus mais preciosos valores. Os desafios são muitos – o principal deles é a imediata e vigorosa resposta que o novo presidente terá de dar à estagnação econômica dos Estados Unidos. Do sucesso dos primeiros momentos dependerá toda a sua presidência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E você, o que vc pensa a respeito???

Compartilhe aqui o seu comentário:

Mais recentes